ZIB.pt – Juntos a Bater o Mercado

ZIM_logoO Projecto ZIB.pt surgiu no fim da revista Carteira (por iniciativa da mesma e do Banco Best), revista que costumava ler todos os meses. Pedi uma breve apresentação deste projecto ao Miguel Alberty da Entusiasmo Media. Assim posso apresentar esta plataforma com os reais números da dua adesão e com a exposição das bases da sua criação.

O projecto parece-me interessante, de vários pontos de vista. Do que tive oportunidade de explorar parece-me intuitivo e user friendly.

Aqui fica a exposição do Miguel que nos pode dizer as melhores funcionalidades e objectivos do projecto:

Ao partirmos para o desenvolvimento de uma plataforma como o ZIB, demos mais um passo, em parceria com o Banco BEST, para inovar na forma como os indivíduos vêm as finanças pessoais e o investimento em mercados financeiros.
Tentámos trazer um conceito novo que motivasse o investimento, principalmente numa fase como esta, mas que transpusesse a barreira do aconselhamento, dando assim espaço a que a partilha de conhecimento entre investidores fosse total e agnóstica.
Acreditamos no conceito de inteligência colectiva, em que todos juntos pensaremos melhor que cada um isoladamente e temos vários exemplos concretos externos de que tal funciona, portanto decidimos avançar com o projecto adequado à realidade nacional. Poderá ler mais sobre o conceito em:
http://en.wikipedia.org/wiki/The_Wisdom_of_Crowds
Entretanto, a plataforma tem tido um sucesso muito acima das nossas expectativas, encontrando-se já 2.130 membros registados, sendo que apenas saiu de Beta Privado há 3 semanas. Esperamos, uma vez que praticamos desenvolvimento contínuo e estamos também a aprender com a sensibilidade do mercado, que este número aumente de forma constante até podermos tocar todos aqueles que se interessam pela matéria, para podermos cada vez mais ter recomendações de acções 5 estrelas que espelhem a realidade do sentimento do mercado, e assim ajudar os investidores a tomar decisões correctas.

Não perde nada em testar ZIB.pt

partilhar

Deixar uma resposta