Tabelas de Ajudas de Custo 2010

Act. 01-02-2010

Estes dados estão sobre forte especulação e deverão ser actualizados à taxa de inflação média registada no ano passado. Mesmo assim os diferentes escalões podem ter diferentes actualizações. Quando forem publicadas as definitivas (em diário da republica) traremos um novo artigo.

Devido a  já termos alguma afluência de pesquisas sobre as Tabelas de Ajudas de Custo 2010, e como as mesmas no ano passado sairam no dia 31 de Dezembro de 2008, aqui deixamos o esclarecimento que as mesmas ainda não sairam e serão publicadas aqui logo que sejam publicadas em Diário da Republica.

Entretanto se desejar receber por email poderá utilizar este link (subscrição de newsletter).
Deixo Também aqui o link para o Feed RSS.

partilhar

0 comments on “Tabelas de Ajudas de Custo 2010”

  1. IC Responder

    Olá muito bom dia

    Tenho uma duvida que não consigo resolver.
    Eu uso o meu carro (está em nome do meu pai) tanto a nível pessoal como profissional (trabalho numa agencia de publicidade). Tenho um seguro contra 3ºs. Durante o meu horário de trabalho desloco-me no meu carro para os clientes na qual me é pago um valor por km.
    Na eventualidade de um acidente de viação gostaria de saber quais são os meus direitos, visto que no meu contrato de trabalho não está nada mencionado da responsabilização da empresa.

    As minhas questões são:
    1ª – Se eu tiver um acidente por minha culpa, terei de pagar o arranjo do meu carro, mesmo estando a usa-lo em prole de empresa?
    2ª – Caso a empresa se responsabilize e visto que tenho um seguro contra 3ºs, pode a empresa também se responsabilizar pelo 3º? Ou o meu seguro irá responsabilizar-se e consequência agravar o meu seguro?
    3ª – Caso a empresa não seja obrigada a responsabilizar-se como poderei fazer para que se responsabilize. Que tipo de acordo terei de fazer?

    Fico a aguardar uma resposta da vossa parte.

    Muito obrigada pela atenção demonstrada.

    Inês Caeiro

  2. Telmo Responder

    Tendo em conta as suas questões as respostas que lhe consigo facultar são: Se tem o seguro contra 3º’s e se tiver um acidente em que fique provado que a culpa foi de facto sua, a empresa não tem a obrigação de arrecadar a conta do arranjo ( a não ser que a empresa tenha-lhe facultado algum doc. em que diga o contrário, visto que usa o veiculo em prole da própria). Os acordos que pode fazer são basicamente os de pagar uma parte e a empresa pagar a outra pois a culpa foi sua mas, a utilização foi em prole do seu trabalho.
    Mais não lhe consigo dizer, Espero ter ajudado.

  3. Divino Responder

    Trabalhei por mais de 5 anos em uma empresa que fornecia cartoes de recarga, a carteira foi assinada e como tal a recisão foi homologada pelo sindicato dos trabalhadores condutores de duas rodas do estado de goiás. Eu utilizava minha moto para a execução do trabalho, nunca recebi nenhuma ajuda de custo em relação a isso. Eu tenho direito a ajuda de custo para a manuntenção da moto? Caso eu tenha, existe alguma possibilidade desta ajuda estar incorporada no meu salário sem eu saber? E além de tudo, paguei todos os cheques de clientes que voltaram por algum motivo. Eles podem descontar esses valores do meu salário? (R)

    • wemanage Responder

      Boa Noite Divino:
      Pelo que percebemos é brasieiro a trabalhar no Brasil. Neste site apenas damos informações sobre legisação portuguesa pois não temos conhecimentos sobre a legislação brasileira para responder à sua questão. Sugerimos que tente falar com o sindicato sobre a sua dúvida.
      Tenha uma boa semana!

Deixar uma resposta