Mais um aumento de impostos por baixo da porta?

Clarificação: Quer com isto dizer o autor que durante o ano de 2011 vamos emprestar dinheiro ao estado para ser devolvido em 2012.

Com a saída das novas tabelas de retenção na fonte para 2011 aconteceu um novo aumento de impostos.

As tabelas deveriam ter sido actualizadas em 2,2%. Fazendo então o valor que seria tributado a 14%, seleccionando os 1537€ de salário bruto, passariam a ser actualizados a essa taxa. Logo, os salários até 1571€ seriam tributados a 14%. O que se passa é que ficou tudo na mesma. A inflação aumentou e esse valor não foi reflectido nas tabelas de IRS.

Temos então mais um aumento de impostos disfarçado.

Não houve para isto nenhuma explicação lógica, nem vimos no portal do governo comentário algum.

Um conselho, habituem-se a respirar menos, quando chegar o imposto já não custa tanto!

partilhar

0 comments on “Mais um aumento de impostos por baixo da porta?”

  1. Frederico Rangel Responder

    Desde quando as taxas de retenção são um imposto? O que for retido a mais durante o ano será devolvido (o que interessa para o efectivo cálculo do imposto IRS a pagar são as taxas gerais de IRS).

    ou seja, este artigo é uma mentira.

  2. RSB Responder

    Olá Frederico,

    Se eu tiver que emprestar mais dinheiro ao estado, que é basicamente o que fizeram com a não actualização de impostos. Para mim é um aumento de impostos, o estado está a retirar o dinheiro mais cedo para depois o devolver, sem pagar juros sobre o mesmo.

    Não vale tudo para a execução orçamental!

Deixar uma resposta