Poupança na Condução – Poupança no Combustível – Dicas/Conselhos Práticos

Poupança em 3C: Carro, Condução, Combustível

Eu tenho. Tu tens. Ele tem. Na verdade, arriscamo-nos a afirmar que quase todos nós temos.

O quê? Um carro. E mais. Uma gestão do orçamento pessoal que deve ser feita.

É fácil pegar no carro para dar umas voltas ou para ir trabalhar. O difícil é arcar com as despesas na hora de o abastecer, com os gastos das revisões e inspecções, com os dispêndios do seguro e do imposto único de circulação, entre outros (substituição de pneus, percalços que possam ocorrer).

E é aqui que começa a ginástica na gestão do seu orçamento pessoal.

Por isso, hoje lembramo-nos de partilhar consigo algumas dicas/conselhos práticos, relativas à condução de um carro, todas elas voltadas para a poupança de combustível.

Dicas/Conselhos Práticos destinadas à Poupança de Combustível

Coloque-as em prática e veja qual a poupança que poderá fazer.

  • Conduza por antecipação

Não se limite a observar o veículo da frente. Uma condução por antecipação reduz o número de acelerações e de travagens, melhorando os consumos médios;

  • Conduza a baixas rotações

Sempre que possível opte por utilizar rotações do motor mais baixas. Para tal, ao gerir a caixa de velocidades, utilize mudanças mais altas;

  • Acelere e desacelere suavemente

Acelerações bruscas levam a que o seu veículo consuma mais combustível e emita mais poluentes atmosféricos (as repetidas acelerações e travagens provocam também um maior desgaste mecânico);

  • Evite situações ao ralenti

Um automóvel gasta aproximadamente 1 litro de combustível por hora ao ralenti. Assim, em poucos segundos, o gasto energético associado à ligação do motor é compensado pelo período em que o motor permaneceu desligado;

  • Nas descidas e travagens, mantenha uma mudança engrenada

Um veículo com tecnologia moderna corta a injecção de combustível quando se retira o pé do acelerador e se mantém uma mudança engrenada. Esta situação permite o aproveitamento da energia cinética do veículo para prolongar o seu movimento, sem ser necessário consumir combustível. Assim, ao retirar o pé do acelerador, mantendo sempre o carro engatado, em descidas ou situações de travagem controlada (por exemplo na aproximação a uma portagem) pode aproveitar mais eficientemente a energia utilizada;

  • Saiba analisar os seus consumos

Para que possa melhorar o seu desempenho é essencial perceber como gasta o seu combustível. Ganhe sensibilidade aos seus consumos e procure analisar o seu perfil de condução. Actualmente há diversos equipamentos (alguns instalados de origem no veículo e outros instalados pelo próprio condutor) que permitem monitorizar as viagens e obter alguns parâmetros associados ao seu estilo de condução. Utilize-os sempre que possível.

  • Seja racional na utilização do ar condicionado

Isto porque no início de cada viagem, este pode representar um aumento de consumo de cerca de 10%;

  • Outras dicas

Deve ainda verificar regularmente a pressão dos pneus; utilizar combustíveis mais eficientes, o que reduz os consumos, diminui as emissões de poluentes atmosféricos e melhora a prestação do motor; evitar pesos desnecessários no carro e transporte de bagagens no tejadilho, já que afectam a aerodinâmica do veículo.

Fonte: http://www.portaldocidadao.pt/PORTAL/pt/Dossiers/DOS_eco+conducao+_+eficiencia+e+seguranca+rodoviaria+com+menos+poluicao.htm?passo=3

Poupança com o Maisvalias

Já que falamos de carros, despesas e eventual poupança deixamos aqui o link para o Simulador de Custo Automóvel – Quanto lhe custam 100 km’s (clique para abrir) criado este ano pelo Maisvalias.

partilhar

Deixar uma resposta