E o melhor CEO em Portugal é…

Rui Nabeiro. De acordo com um estudo realizado pelo Grupo GFK para a revista Exame, o fundador do Grupo Delta foi considerado o melhor gestor pelos portugueses, seguido por Alexandre Soares dos Santos (Grupo Jerónimo Martins).

O ranking dos melhores gestores coloca ainda em posição de destaque Paulo Azevedo (Sonae), Belmiro de Azevedo (Sonae) e Francisco Pinto Balsemão (Imprensa), respectivamente (ver imagem em baixo). Já no fundo do ranking encontramos o gestor da Mota Engil – Jorge Coelho – que apenas reúne 6% dos votos.

O inquérito abrangeu 1033 portugueses e pretendeu inquirir sobre a “relevância nacional e emocional” dos gestores portugueses. Para tal, foram considerados 33 CEO das empresas cotadas no índice PSI-20 e também algumas empresas incluídas no ranking das 500 melhores empresas nacionais da revista Exame.

Quando apenas se considera a liderança, o primeiro lugar é ocupado pelo gestor da Jerónimo Martins (grupo que detém o Pingo Doce, por exemplo), sendo que Alexandre Soares dos Santos obteve a pontuação mais elevada em vários parâmetros. Segundo a Exame, os inquiridos consideram que o gestor tem uma “visão clara sobre o futuro da empresa”. Seguem-no os gestores Paulo Azevedo, Rui Nabeiro, Belmiro de Azevedo e Zeinal Bava. Novamente, Jorge Coelho volta a assumir a última posição no domínio da liderança.

Quando inquiridos sobre a notoriedade dos gestores, Belmiro de Azevedo foi o gestor mais votado, com 84%. O ranking é depois ocupado por Francisco Pinto Balsemão (72%) e Américo Amorim (55%), respectivamente. António Reffóios, Rodrigo Costa e José Silva Ramos são os gestores que, de acordo com o estudo da GFK, têm menor notoriedade.

A notícia original pode ser consultada aqui: http://expresso.sapo.pt/rui-nabeiro-e-o-ceo-com-melhor-reputacao=f755878

partilhar

Deixar uma resposta