428 mil empregos destruídos desde entrada da troika em Portugal

650 mil empregos destruídos desde 2008

De acordo com o projeto de parecer sobre o Orçamento do Estado para 2013, que hoje circula em vários meios de comunicação social, o Conselho Económico e Social (CES) calcula que em cinco anos,desde 2008, a economia portuguesa tenha destruído quase 650 mil empregos, 428 mil dos quais desde que Portugal pediu ajuda externa à “troika”.

Este mesmo parecer é salientado e baseado no facto de Portugal ser dos países que a taxa de desemprego mais tem subido, reduzindo, por outro lado, o nível de emprego.

Preocupações do CES com o OE 2013

Ainda relativamente à proposta do Orçamento de Estado para 2013 o CES adverte que o facto de o mesmo “consagrar uma diminuição significativa do nível de proteção social e da despesa social em geral, sendo relevante salientar o elevado número de desempregados sem prestações de desemprego, a diminuição do valor das prestações de desemprego e de doença”.

 

partilhar

Deixar uma resposta