IRS 2013 – taxa de imposto a pagar pode chegar aos 56,5% para 3.500 famílias

IRS 2013 – Taxa adicional de 5% atinge mais de 3.500 famílias portuguesas

Os partidos da coligação apresentaram uma proposta de alteração à lei do Orçamento de Estado para 2013 (OE 2013) que prevê a criação de uma taxa adicional de 5% para os rendimentos coletáveis acima de 250 mil euros.  Segundo as estatísticas fiscais mais recentes divulgadas na página da Administração Tributária e Aduaneira (AT) esta taxa adicional de 5% no IRS vai atingir 3.561 famílias.

Esta foi a forma encontrada pelo Governo de compensar a introdução de uma sobretaxa de IRS de 3,5% para todos os contribuintes, em vez dos 4% inicialmente previstos.

Escalões de IRS 2013

Caso a proposta do Governo de OE 2013 venha a ser aprovada com as alterações agora anunciadas pela coligação, as taxas de IRS a vigorar em 2013 vão variar entre 14,5% para rendimentos até 7.000 euros e os 48% para rendimentos superiores a 80.000 euros. Acrescenta-se, ainda, uma sobretaxa de IRS de 3,5% para todos os rendimentos que ultrapassem o salário mínimo nacional, e uma taxa adicional de 2,5% para rendimentos acima de 80.000 euros e inferiores a 250 mil euros e uma taxa adicional de 5% para rendimentos acima dos 250 mil euros, como referido anteriormente.

Taxa de imposto a pagar pelo último escalão chega aos 56,5%

Assim, a taxa de imposto a pagar neste último escalão de IRS pode chegar aos 56,5% (48% + 5% + 3,5%), valores a que ainda acresce, no caso dos trabalhadores por conta de outrem ,11% de descontos para a segurança social.

Lembramos que a proposta de Orçamento de Estado para 2013 terá a votação final global no dia 27 de Novembro.

Fonte: Diário Económico.

partilhar

Deixar uma resposta