Criação de Emprego – Regras de Acesso ao Microcrédito Alargadas

As regras de acesso aos programas de microcrédito vão ser alteradas, alargando-se para tal os apoios a projectos de microempresas, cooperativas ou instituições sociais que empreguem até nove trabalhadores.

Duas são as linhas de apoio que em muito têm contribuído para o empreendedorismo e para a criação do próprio emprego. Falamos-lhe das linhas de crédito Microinvest e Invest+:

Linha Microinvest (clique para abrir)

Linha Invest+ (clique para abrir)

cujo objectivo visa a promoção da criação de empresas, mediante o acesso ao crédito bancário em condições favoráveis por parte de desempregados e, a partir de agora, por microempresas, cooperativas ou instituições sociais até um limite de nove trabalhadores.

Se a linha Microinvest se destina a financiamentos até 20 mil euros, com garantia SGM* de 100%, a linha Invest+ vai mais além, já que se destinada a apoiar projectos entre 20 mil e 200 mil euros, com garantia SGM* de 75%. É ainda de referir que nos créditos a conceder, no âmbito do Invest+, o financiamento máximo é de 95% do investimento total, com o limite de 100 mil euros, não podendo ultrapassar o montante de 50 mil euros por posto de trabalho criado, a tempo inteiro.

Outras vantagens destes microcréditos devem-se ao facto dos mesmos beneficiarem não só de prazos alargados de pagamento (até 84 meses, com 24 de carência) mas também de uma taxa de juro bonificada – Euribor 30 dias + 0,25%, com mínimo de 1,5% e máximo de 3,5%.

*SGM, Sociedades de Garantia Mútua

Se estiver interessado, saiba mais em:

http://www.iefp.pt/apoios/candidatos/CriacaoEmpregoEmpresa/Paginas/Apoios_Criacao_Empresas.aspx

Fonte: http://economico.sapo.pt/noticias/governo-vai-alargar-regras-de-acesso-ao-microcredito_157326.html

partilhar

Deixar uma resposta