O seu guia para o mercado livre de eletricidade e gás

Mercado livre de eletricidade e gás: todos têm de mudar de operador

As tarifas reguladas acabaram a 1 de janeiro e foram substituídas por tarifas transitórias que são, respetivamente, 2,8% e 2,5% mais caras. Assim, ninguém fica sem luz nem gás, mas todos os consumidores têm de escolher, até ao fim de 2015, um fornecedor no mercado livre, ou seja, tem sempre de mudar de operador, mesmo que queira manter-se na EDP.

O site Dinheiro Vivo apresenta um guia intitulado “Eletricidade e gás: Guia para o mercado livre e como mudar de fornecedor” que o Maisvalias recomenda consultar para tirar todas as dúvidas sobre esta matéria.

Aceda aqui ao guia do Dinheiro Vivo.

images

 

partilhar

Deixar uma resposta