Reforma do IRC – 70% do investimento pode ser abatido à coleta

Medida terá impacto já nas contas de 2013

Paulo Núncio, secretário de Estado dos Assuntos Fiscais no Parlamento, revelou hoje, durante a audição na Comissão de Orçamento e Finanças, a intenção do Governo em avançar com uma medida fiscal para promover o investimento empresarial, a saber: “deduções à colecta de IRC” para investimento realizado, em até “70% do valor do investimento realizado”. Ou seja, as empresas que realizem investimentos em 2013 vão poder abater estas despesas à sua coleta de IRC, até um máximo de 70%.

O secretário de Estado afirmou ainda que este incentivo irá abranger os investimentos em ativos fixos elegíveis e que a medida se destina a empresas do setor industrial.

O Governo acredita que a medida terá “impacto decisivo e imediato no investimento a realizar em 2013”.

Fonte: Económico.

Paulo Núncio - Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais

Paulo Núncio – Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais

partilhar

Deixar uma resposta