Portas "bateu com a porta"

Paulo Portas apresentou hoje a demissão a Passos Coelho. Depois da demissão de Vítor Gaspar, esta decisão de um dos líderes dos partidos da coligação abre as portas à queda do Governo.

Numa nota enviada à agência Lusa, Portas garante que a sua decisão é “irrevogável”.

A escolha de Maria Luís Albuquerque para substituir Vítor Gaspar não agradou ao líder do CDS.

Paulo Portas toma esta decisão quando, neste fim-de-semana, se realiza o Congresso Nacional para confirmar a continuidade do mesmo como líder do CDS.

Ainda assim mantém-se para as 17h a tomada de posse, em Belém, da nova equipa das Finanças.

Aceda aqui ao comunicado de demissão de Paulo Portas na íntegra, publicado na edição online do jornal ‘Público’.

Fonte: Público.

Paulo Portas

partilhar

Deixar uma resposta