Empréstimos Peer to Peer (P2P) Teste de plataformas.

Nos últimos anos temos assistido à multiplicação de websites que aceitam investimentos nos chamados empréstimos peer to peer. Assim sendo, embora não seja novo, encontramos alguns websites que aceitam investimentos por parte quem queira emprestar dinheiro a terceiros.

O que são empréstimos peer to peer (P2P)?

Um empréstimo peer to peer é um empréstimo que é feito sem recurso a um banco, sendo que os contratos são realizados entre o tomador do empréstimo e o sujeito que empresta o dinheiro. Encontramos mais do que dois, mas para o teste que estamos a realizar, escolhemos dois.

Existem dois tipos de empréstimos, os colateralizados, em que existe um bem a garantir os depósitos, e os não colateralizados, em que não existe nenhum bem a garantir os empréstimos. Os primeiros geralmente cobram taxas de juro inferiores aos segundos.

O ganho destas soluções é que para um empréstimo de 1000 euros poderá ter 50 pessoas a emprestar dinheiro, podendo assim investir em vários reduzido o seu risco por vários requisitantes de crédito.

Sites de Peer to Peer (P2P)

Estes foram os sites que encontramos que aceitam depósitos por parte de investidores portugueses:

Bondora.pt (P2P não colateralizado) Estónia

O Bondora foi dos primeiros websites a apresentar este serviço na zona euro, e presta o serviço de mediação para empréstimos não colateralizados. Os investidores podem ser de quase todos os países, mas os empréstimos apenas podem pedidos a partir da Letónia, Espanha e Finlândia.

Este foi o primeiro website em que abrimos conta. Temos neste momento 87% do montante investido em empréstimos com uma taxa média de 33%. A probabilidade de não pagamento em alguns dos depósitos será grande.

Esta plataforma aceita investimentos desde 5€ por empréstimo.

Noutros artigos iremos explicar como correu a nossa experiência com esta plataforma.

Mintos.lv (P2P Colateralizado) Letónia

O Mintos embora pague taxas menores, tem apenas empréstimos colateralizados. Quer isto dizer que estes empréstimos teem o bem que foi comprado como colateral, ou outro bem que valha mais do que o bem para o qual se empresta.

Estamos em fase de depósito nesta instituição, mas pelo que vemos, a taxa deverá ser entre 8 e 12% antes de impostos. o mínimo por cada empréstimo é de 10 euros.

Existe uma particularidade interessante que torna este website bastante atrativo, todos os empréstimos são emitidos em nome do Mintos e são depois revendidos em pequenas porções a cada investidor.

Impostos sobre investimentos P2P

Em caso de ganhos nestas plataformas, não são cobrados impostos no país em que faz o investimento, mas deverá declarar estes ganhos na sua declaração de IRS ou em sede de IRC caso seja uma empresa.

partilhar

Deixar uma resposta